Digitalização: uma tendência para provedores de outsourcing

agosto 2, 2021
Digitalização: uma tendência para provedores de outsourcing

Soluções desta área resultam em mais produtividade e organização rumo à transformação digital

Organizar fluxos e processos é uma das estratégias adotadas pelas companhias para aumentar a sua produtividade. Para tal, a padronização é um dos caminhos fundamentais e precisa ser adotada nas atividades mais simples, como a maneira de salvar documentos digitalizados e caminhar em direção à transformação digital.

Como mostramos recentemente, o mercado de MPS (Managed Print Services) prevê uma expansão considerável para os próximos anos, inclusive agregando novos serviços e funcionalidades aos contratos. Para conseguir se manter competitivo, há, então, a necessidade de acompanhar essas tendências.

Embora tenha um conceito distinto de um outsourcing de impressão – já que vai na contramão, digitalizando documentos em um alinhamento com os direcionamentos de sustentabilidade –, trata-se um mercado no qual esses players se posicionam e oferecem soluções definitivas para os clientes finais.

Digitalização de documentos de forma eficiente para seus clientes. Conheça o NDD Print Digital Shift!

Muito além da digitalização

Como mencionamos anteriormente neste artigo, uma estratégia bem definida de digitalização é fundamental do ponto de vista da gestão de uma organização.

Imagine se cada colaborador definir o nome e onde salvar cada documento? Torna-se quase impossível encontrá-los, quando houver necessidade. Esse cuidado precisa ser tomado em todos os setores: de notas fiscais, comprovantes de compras e vendas, recursos humanos, entre outros.

Por isso, as soluções propostas pelos provedores de outsourcing para os clientes finais devem mostrar este tipo de vantagem. Em última análise, a padronização de digitalização – seja para um colaborador ou para um departamento – permite que as informações estejam centralizadas no local adequado e dão mais produtividade ao dia a dia: afinal de contas, ninguém gosta de perder tempo em atividades que podem ser automatizadas.

Nesse sentido, é importante que haja esse tipo de configuração, garantindo que a organização dos documentos digitais se mantenha, independentemente do equipamento usado – respeitando apenas os critérios do colaborador ou departamento.

O primeiro passo para a transformação digital

Muitas organizações esperam competir em um ambiente de transformação digital, mas sofrem com inúmeros aspectos, entre eles a dificuldade em estruturar os seus documentos. Em muitos casos, a principal limitação está em não contar – ou desconhecer – a solução adequada para a sua necessidade.

No momento de escolher por um sistema para auxiliar nessa tarefa, é importante levar em conta alguns aspectos:

Personalização – A padronização das configurações deve ser customizada, com base no acesso do usuário. Ou seja, cada colaborador terá um salvamento específico – ou a possibilidade de selecionar o diretório. Detalhes como frente e verso, orientação do documento e cor podem ser fixados ou selecionados no ato da digitalização.

Qualidade – Entre os aspectos de customização estão alguns detalhes que não podem passar despercebidos. Deve-se estabelecer padrões de qualidade, que devem ser seguidos sempre. Isso é importante do ponto de vista da guarda dos documentos e do armazenamento das informações digitais (pensando no espaço necessário para backup e arquivos).

Integração – É importante que esses dados sejam integrados aos sistemas usados pelas empresas, seja o ERP ou outros softwares de gestão.

Mobilidade – Em um universo de ambientes de trabalho híbridos, a mobilidade é fundamental. Se a solução tiver aplicações mobile, capazes de digitalizar documentos a partir da câmera do celular, trata-se de um diferencial importante para o cliente final.

Segurança – Esses dados serão salvos em diretório local, na nuvem ou em ambos? Em um contexto de LGPD, é importante proteger as informações, conforme estabelece a legislação.

Em um ambiente de competição, ganhar tempo e produtividade nas pequenas coisas, como a digitalização de documentos, pode se tornar o diferencial de um negócio. Colaboradores mais focados em atividades estratégicas, com organização definida e informações centralizadas nos diretórios corretos, são o princípio de um processo de inovação e gestão bem definido.

Quer dar o primeiro passo rumo à transformação digital do seu negócio? Fale com um dos consultores NDD.

gostou? compartilhe para mais pessoas!

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Receba conteúdos exclusivos!

Queremos saber quais são seus interesses.
Cadastre-se, é rápido e fácil!




    Eu aceito a Política de Privacidade

    Mostrar Aviso

    O que você está procurando?

    Suporte

    Para acessar escolha uma das soluções

    Caso você precise de ajuda ou tenha alguma dúvida, basta acessar o suporte!

    Telegram

    Com que você deseja falar?